REPORTE LINKS INOPERANTES CLICANDO AQUI: MúsicAmiga
Música de Abertura: "Maranhão, Meu Tesouro, Meu Torrão", de Mano Borges

terça-feira, 2 de outubro de 2007

Chico Maranhão

“É surpreendente o nível de inércia no surgimento de valores novos no campo da música popular brasileira, novos no sentido íntegro da palavra. Em 1967, Maranhão fez o Teatro Record dançar seu frevo 'Gabriela', no Festival da Música Popular. Depois de uma curta carreira como arquiteto - Maranhão é da turma que Chico Buarque abandonou e juntos começaram a compor - voltou para sua terra. Lá envolveu-se com as manifestações populares mais legítimas, lá lidera e alimenta um movimento cultural que, consideradas as limitações do Estado pobre do Maranhão, é incrível e heróico. O seu primeiro disco foi 'Lances de Agora', o mais surpreendente e belo disco jamais ouvido pelos que a ele tiveram acesso, nesta selva do mercado brasileiro onde, em 95% das lojas, encontram-se apenas 100 títulos de 20.000 possíveis. Esses 100 discos privilegiados todo mundo sabe quais são. Este 'Fonte Nova' é um passo além de 'Lances de Agora'. Quem duvidar, que ouça os dois. Mas os seus discos são de um nível poético e musical que, no meu entender, não encontra paralelo na música brasileira."
(Marcus Pereira - 1980)
Abrace:
- Fonte Nova (1980)

3 comentários:

Anônimo disse...

valeu por este disco.
tava atrás dele um tempão.
(agora só falta o lances de agora...)
o chico maranhão tem um trabalho muito interessante e é inexplicável que ande tão "sumido" (assim como o ubiratan, outro cara genial)

joao disse...

Hum
Ha muito procuro trabalho deste autor
Valeu

Anônimo disse...

Gostaria muito de ver disponibilizado os seguintes discos de CHICO MARANHÃO. Aprecio muito este compositor/cantor, e estão me faltando os discos abaixo. Desde já agradeço muito se for possível a postagem, se não de todos, pelo menos de alguns destes discos:
1969-maranhão e renato teixeira; 1974-maranhão (lp mp-403.5016); o 1988-brejeir0; 2005-ópera boi-o sonho de catirina; 2005-são joão, paixão e carnaval.
O Chico Maranhão é bom gosto e cultura a toda prova.